Início » Significados Bíblicos » O que é Parábola ?

O que é Parábola ?

Na Bíblia sempre ouvimos as Parábolas de Jesus. Mas o que é uma parábola? Por que Jesus sempre contava Parábolas?

o-que-e-parabolas

Parábola é uma pequena história que era muito contada por Jesus aos seus discípulos para lhes ensinar sobre o evangelho.
Alguns conceitos eram difíceis de explicar, e com histórias ficava mais fácil e prático de entender, por isso Jesus sempre usava parábolas.

Na Bíblia encontramos diversas parábolas, como por exemplo a do filho pródigo, a qual nos ensina que Deus sempre está pronto a nos perdoar. Como exemplo também a do Bom Samaritano que nos ensina ter amor ao próximo, e várias outras encontradas na Bíblia.

No tempo de Jesus era muito comum usar parábolas, pois com histórias ficava mais fácil de entender e lembrar os ensinamentos. Muitos dos discípulos trabalhavam no campo e Jesus usava o trabalho agrícola como exemplo nas suas parábolas.

As pessoas procuravam muito Jesus para fazer perguntas, e Jesus lhes respondia com parábolas, e assim se juntavam multidões curiosas. E Jesus sempre contava a parábola e depois contava seu significado.

É muito importante que leiamos as parábolas e as entendemos, são histórias que são fáceis de nos lembrar e são muito importante para nossas vidas, pois cada uma delas tem um ensinamento e nos ajuda com as dúvidas do nosso dia a dia. Cada parábola contada tinha um objetivo, um ensinamento.

Parábolas de Jesus

Veja abaixo algumas Parábolas de Jesus e onde são encontradas na Bíblia:

  • O bom samaritano (Lucas 10.29-37);
  • A casa vazia (Mateus 12.43-45);
  • Coisas novas e velhas (Mateus 13.51-52);
  • O construtor de uma torre (Lucas 14.28-30);
  • O dever dos servos (Lucas 17.7-10);
  • As dez virgens (Mateus 25.1-13);
  • O amigo importuno (Lucas 11.5-8);
  • Os dois alicerces (Mateus 7.24-27);
  • Os dois devedores (Lucas 7.40-43);
  • Os dois filhos (Mateus 21.28-32);
  • A dracma perdida (Lucas 15.8-10);
  • O fariseu e o publicano (Lucas 18.9-14);
  • O fermento (Mateus 13.33);
  • A figueira (Mateus 24.32-33);
  • A figueira estéril (Lucas 13.6-9);
  • O filho pródigo (Lucas 15.11-32);
  • A grande ceia (Lucas 14.15-24);
  • Jejum e casamento (Lucas 5.33-35);
  • O joio (Mateus 13.24-30,36-43);
  • O juiz iníquo (Lucas 18.1-8);
  • Os meninos na praça (Mateus 11.16-19);
  • A ovelha perdida (Lucas 15.3-7);
  • O pai vigilante (Mateus 24.42-44);
  • A pedra rejeitada (Mateus 21.42-44);
  • A pérola de grande valor (Mateus 13.45-46);
  • Os primeiros lugares (Lucas 14.7-11);
  • A rede (Mateus 13.47-50);
  • O rei que vai para a guerra (Lucas 14.31-32);
  • O remendo com pano novo (Lucas 5.36);
  • O rico e Lázaro (Lucas 16.19-31);
  • O semeador (Mateus 13.3-9,18-23);
  • A semente (Mc 4.26-29);
  • A semente de mostarda (Mateus 13.31-32);
  • O servo fiel (Mateus 24.40-44);
  • Os talentos (Mateus 25.14-30);
  • O tesouro escondido (Mateus 13.44);
  • Os trabalhadores da vinha (Mateus 20.1-16);
  • Parábola do Credor Incompassivo

Miguel Leme

Criador do Projeto Gospel, desenvolveu o projeto para levar a palavra de Deus ao máximo de pessoas possível, através da Internet. Juntamente com alguns colaboradores traz “estudos, sermões, histórias, significados entre outras categorias relacionadas”.

Miguel Leme

Criador do Projeto Gospel, desenvolveu o projeto para levar a palavra de Deus ao máximo de pessoas possível, através da Internet. Juntamente com alguns colaboradores traz “estudos, sermões, histórias, significados entre outras categorias relacionadas”.

Recomendação da Semana