Projeto Gospel. Aprenda tudo sobre Teologia!
Início » Perguntas » O que é Benção Apostólica? Qual Significado Bíblico?

O que é Benção Apostólica? Qual Significado Bíblico?

A maioria das igrejas cristãs evangélicas usam da “benção apostólica” no termino das suas celebrações. É conveniente definir as reuniões como celebrações porque culto é o que prestamos a Deus diariamente com a nossa vida (Romanos 12.1).

É uma celebração porque é um momento em que pessoas se reúnem para celebrar o amor e a salvação de Deus através de músicas de adoração, bem como apresentar orações, ouvir a ministração da Palavra de Deus e assim por diante.

Cada igreja possui sua forma e nós não estamos aqui para julgar formas e métodos, desde que sejam estritamente bíblicos, deve ser propagado, afinal Deus não tem filhos preferidos. Contudo, a “benção apostólica” não é um mandamento bíblico, portanto pode ser usada ou não. Se for usada, amém, se não for usada, amém também.

A “benção apostólica” é uma declaração profética e carregada de promessa sobre a igreja. É profética porque está profetizando palavras de benção sobre a vida das pessoas e uma promessa porque as declarações são dignas de total credibilidade e autoridade no céu, bem como se cumprem.

bencao-apostolica-significado

No Antigo Testamento… (benção apostólica)

Também conhecida como “benção sacerdotal”, algumas igrejas adotam essa “benção” no final do culto: “O Eterno te abençoe e te guarde, faça o Senhor resplandecer o seu rosto sobre ti e te agracie. Que o Eterno revele a ti a sua face de amor e te conceda a paz” – Números 6.24.26.

No Novo Testamento…

E no novo testamento, há a revelação da Trindade Eterna na “benção apostólica”:

“A graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vós” – 2º Coríntios 13.14.

É assim que se encerra essa carta de autoria do apóstolo Paulo, remetida à igreja em Corinto e a partir daí essa mesma frase tem sido usada nos encerramentos dos cultos das igrejas cristãs evangélicas.

Pode ser que ficou conhecida como “apostólica” por ser de autoria do apóstolo Paulo, mas não se tem base concreta para afirmar que as celebrações da igreja primitiva terminavam assim, estudiosos dizem que Martinho Lutero defendia e fazia uso dessa declaração, contudo podemos perceber que o Paulo optava na maioria das vezes por terminar suas cartas dando uma palavra de benção sobre os leitores e destinatários, por exemplo:

“A graça do Senhor Jesus seja convosco, recebam o amor que tenho por todos vós em Cristo Jesus. Amém” (1ª Coríntios 16.23-24) ou “A graça do Senhor Jesus Cristo esteja com o vosso espírito. Amém” (Filipenses 4.23).

No caso do encerramento da segunda carta aos Coríntios, tem sua particularidade e santa expressão porque é a graça (Jesus é a personificação da própria graça, como dizia um professor de teologia) que revela o amor do Pai que nos concede o direito de sermos filhos de Deus (João 1.12) e é pelo Espírito Santo que produz comunhão fraternal entre os filhos de Deus em todo o mundo e com o Pai e o Filho. É a trindade em pleno funcionamento e funcionando em comunidade desde a criação.

Conclusão do Significado

Um versículo bíblico muito conhecido: Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito (Agora primogênito; Romanos 8.29) para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna (João 3.16).

Qual é a maior benção para a vida do cristão? É Deus mesmo. A benção está no Pai, no Filho e no Espírito Santo, a unidade perfeita e completa da trindade revelada também no versículo da “benção apostólica”. A benção está em nós podermos “nos misturar com ele e estarmos com ele sempre e para sempre”.

Que você seja abençoado por esse amor de tal maneira que te tornou filho e um dia levará os Seus amados ao céu para a vida eterna com Ele.

Quer Memorizar a Bíblia?

Veja como você pode Memorizar Milhares de Versículos Bíblicos. Clique Aqui e conheça esse método.

Mais Vistos Nos Últimos Dias

Copyright© 2014-2018 | Projeto Gospel. Todos os direitos reservados