Projeto Gospel. Aprenda tudo sobre Teologia!

Conheça a História do Rei Salomão

Há alguns personagens bíblicos que são marcantes e que por nome são reconhecidos facilmente. O rei Salomão é um destes exemplos. Talvez você não saiba exatamente quem ele foi ou qual a sua história, mas o nome é muito familiar.

Para ajudá-lo a conhecer mais sobre quem foi Salomão e qual a sua história estamos escrevendo este artigo. Aproveite e conheça a trajetória do filho de Davi.

rei-salomao-história-quem-foi

Quem foi Salomão

O primeiro ponto para descobrir quem foi Salomão nós citamos, ele era filho do rei Davi com Bate-Seba. Ele foi o responsável por construir o primeiro templo de Jerusalém, no qual viveu com prosperidade e muita paz.

Deus prometeu aos pais de Salomão que de todos os seus filhos, ele seria o sucessor. “Mas você terá um filho que será um homem de paz, e eu farei com que ele tenha paz com todos os inimigos ao redor dele. Seu nome será Salomão, e eu darei paz e tranquilidade a Israel durante o reinado dele. É ele que vai construir um templo em honra ao meu nome. Eu serei seu pai e ele será meu filho. E eu firmarei para sempre o trono do reinado dele sobre Israel”. (1 Crônicas 22:9-10).

História do Rei Salomão

Parecia que toda a história de Salomão já estava traçada, se não fosse por Adonias, seu irmão. Quando Davi já estava muito velho, seu filho proclama-se rei, contrariando a vontade de Deus.

Mas Davi não permitiu que isso acontecesse e mandou que Salomão fosse proclamado rei, cumprindo assim a promessa do Senhor.

Aliás, a obediência a Deus era muito comum em sua família, exceto com Adonias. Para recompensar Salomão, o Senhor apareceu em um de seus sonhos.

Em Gibeom o Senhor apareceu a Salomão num sonho, à noite, e lhe disse: “Peça-me o que quiser, e eu darei a você“. (1 Reis 3:5).

Com sua humildade, o rei pediu sabedoria para governar pelo seu povo.

A sabedoria ganhada de Deus foi útil por diversos momentos, como podemos exemplificar com o caso das prostitutas. Duas mulheres haviam ganhado bebê, porém um deles havia morrido e elas disputavam pelo que estava vivo.

Para descobrir quem era a mãe verdadeira, Salomão pediu que dividissem a criança ao meio. A verdadeira não aceitou, enquanto a outra disse sim. Pela decisão, o rei teve certeza a quem a criança pertencia.

“Então o rei ordenou: “Tragam-me uma espada”. Trouxeram-lhe. Ele ordenou: “Cortem a criança viva ao meio e deem metade a uma e metade à outra”. A mãe do filho que estava vivo, movida pela compaixão materna, clamou: “Por favor, meu senhor, dê a criança viva a ela! Não a mate!” A outra, porém, disse: “Não será nem minha nem sua. Cortem-na ao meio!” (Reis 3:24-26)

O reinado de Salomão foi marcado pela paz. O rei estabeleceu alianças e tratados comerciais com seus vizinhos, espalhando a sua fama por todos os lugares. Sua sabedoria também está registrada na bíblia, em diversas passagens, como Provérbios, Eclesiastes, Cânticos e nos Salmos 72 e 127.

Porém a sabedoria de Salomão não permaneceu por toda a sua vida. Já na velhice, o rei havia casado com mulheres de diversas religiões e crenças, que acabaram afastando-o de Deus. Ao desviar-se da fonte de sabedoria, ou seja, do Senhor, ele a perde e já não consegue nem ensinar seu filho, que perde grande parte de seu reinado.

Adicionar comentário

Copyright© 2014-2017 | Projeto Gospel. Todos os direitos reservados