Início » Perguntas » Como era o Jardim do Éden

Como era o Jardim do Éden

As Sagradas Escrituras no primeiro livro do Antigo Testamento declaram:

Ora, o Eterno havia plantado um jardim na região do Éden, no Oriente, para os lados do leste e ali colocou o ser humano que formara. O Senhor Deus fez nascer do solo toda espécie de árvores agradáveis aos olhos e boas para o alimento. E no meio desse jardim estavam a árvore da vida e a árvore do conhecimento do bem e do mal. Na região do Éden nascia um rio que irrigava todo o jardim e depois se dividia em quatro. O nome do primeiro e Pisom.

Ele percorre todo o território de Havilá, onde existe ouro. O ouro daquela terra é de pureza excelente, terra na qual se encontra o bdélio, raro perfme, e a valiosa pedra ônix. O segundo, que percorre toda a terra de Cuze, é chamado Giom. O terceiro, que flui pelo lado leste da Assíria, é o conhecido rio Tigre. E o quarto, é o grande rio Eufrates. Assim, Deus tomou o homem e o colocou no jardim do Éden para zelar por ele e nele fazer plantações (Gênesis 2.8-15).

Como-era-o-Jardim-do-Éden

Jardim do Éden

A Palavra continua registrando que o homem podia se alimentar de todas as árvores que estavam no Jardim no Éden, menos da arvore do conhecimento do bem e do mal, porque caso eles ingerissem, eles morreriam. Toda a criação formada por Deus estava ali com o homem, bem como com a costela que havia tirado do homem, o Senhor formou a mulher e ambos viviam ali (Gênesis 2.16-25).

Num determinado momento apareceu ao homem e a mulher a serpente, o próprio Satanás, com a intensão de seduzi-los e induzi-los a comer da árvore do conhecimento do bem e do mal da qual Deus havia orientado que não o fizessem. Por fim, eles comeram do fruto e caíram em pecado. Por amor foram expulsos do jardim (Genesis 2.23) e no lado leste do jardim do Éden estabeleceu seus querubins e uma espada flamejante que se movia em todas as direções, evitando assim que alguém tivesse acesso à árvore da vida – a partir de então somente pela redenção divina é que o ser humano pode ter acesso a arvore da vida – (Gênesis 2.24).

Significado de Jardim do Éden

O termo Éden, na língua mesopotâmia, significa “planície ou terreno fértil” e podemos ver que de fato o significado faz juz porque da região fluía um grande rio, bem como árvores nasceram do seu solo.

E em hebraico o termo Éden significa “bem aventurança ou grande prazer”. Lembrando que o jardim propriamente constituía apenas uma parte do Éden.

Onde fica o Jardim do Éden

Nos nossos dias é praticamente impossível e irresponsável afirmar sobre a real localização do Éden, porém podemos tentar ter uma ideia.

Primeiramente entendemos que a expressão correta para o Jardim é “Jardim NO Éden” e não “Jardim DO Éden”, pois como consta claramente nas escrituras o Éden era um local daqueles dias onde Deus plantou o seu jardim e toda a sua criação – homem, mulher, animais, árvores, etc., bem como fez tudo o que vimos relatado acima acontecer.

Rios do Jardim do Éden

Dessa terra fértil fluía um grande rio que posteriormente se dividia em quatro: Pisom, Giom, Tigre e Eufrates.

Estudiosos afirmam que apesar de algumas características apontadas nos próprios registros bíblicos, não é possível informar a real colocação do Éden como base nos rios Pisom e Giom porque a real informação sobre a localização de ambos se perderam na história, contudo o Pisom e o Giom, já na época de Moisés, eram riachos localizados mais a Oriente, na baixa Mesopotâmia, nas proximidades do Golfo Persico.

Os rios Tigre e Eufrates são bastante conhecidos até hoje e fluem do Oriente para o Ocidente, descobertas indicam que o Jardim ficava na convergência desses rios na época, a mesopotâmia assim como apontado no parágrafo acima, e que essa região hoje corresponde onde se situa boa parte do território da região do Iraque, no Oriente Médio e suas redondezas.

Miguel Leme

Criador do Projeto Gospel, desenvolveu o projeto para levar a palavra de Deus ao máximo de pessoas possível, através da Internet. Juntamente com alguns colaboradores traz “estudos, sermões, histórias, significados entre outras categorias relacionadas”.

Miguel Leme

Criador do Projeto Gospel, desenvolveu o projeto para levar a palavra de Deus ao máximo de pessoas possível, através da Internet. Juntamente com alguns colaboradores traz “estudos, sermões, histórias, significados entre outras categorias relacionadas”.